http://www3.ambiente.sp.gov.br/nascentes-do-paranapanema

Sobre o Parque

O nome do Parque Estadual Nascentes do Paranapanema (PENAP) faz jus às cerca de 910 nascentes das cabeceiras do Rio Paranapanema protegidas por esta Unidade de Conservação.

Este rio, possui cerca de 929 quilômetros de extensão, da sua nascente principal, localizado dentro do PENAP, a sua Foz, no Rio Paraná. É considerado um dos mais importantes do Estado, em termos de geração de energia e abastecimento de água, sendo considerado um dos rios mais limpos do Estado de São Paulo. Ao longo do seu percurso passa a ser o divisor natural dos territórios dos Estados de São Paulo e do Paraná e considerado de grande importância para este Estado também. De tão relevante, o Rio Paranapanema tem o seu próprio dia comemorativo, 27 de agosto, designado pela Lei Estadual 10.488/1999.

O Parque protege uma área singular, com alto grau de conservação e elevados níveis de riqueza biológica, sendo formada por uma importante transição entre Floresta Ombrófila Densa e Floresta Estacional Semidecidual.

Criado pelo Decreto Estadual nº 58.148, de 21 de junho de 2012, o PENAP possui 22.268,94 ha e está integralmente inserido no município de Capão Bonito, região sudoeste do Estado de São Paulo, também denominada Alto Paranapanema.

O PENAP, juntamente com o Parque Estadual Turístico Alto Ribeira (PETAR), Parque Estadual Intervales (PEI), Parque Estadual Carlos Botelho (PECB), Estação Ecológica Xitué (EE Xitué) e a Área de Proteção Ambiental Serra do Mar (APA Serra do Mar), compõe o Mosaico de Unidades de Conservação de Paranapiacaba. Instituído pelo mesmo decreto de criação do PENAP, o mosaico possui cerca de 250.000 ha contínuos de áreas naturais protegidas, com a finalidade de promover a gestão integrada e participativa, buscando a garantia da conservação das áreas de suas Unidades de Conservação.