http://www3.ambiente.sp.gov.br/institutodebotanica

Parque Estadual das Fontes do Ipiranga – PEFI

O Parque tem sua origem no século XIX, como Parque do Estado, com a finalidade de proteger os recursos hídricos da bacia do Riacho do Ipiranga e para abastecimento de água da região.

O PEFI está localizado na região sudeste do Município de São Paulo, possui aproximadamente 476 ha e apresenta vegetação característica de floresta ombrófila densa de encosta atlântica, onde se concentram as nascentes do histórico Riacho do Ipiranga.

É o maior fragmento de Mata Atlântica inserido na área urbana da Região Metropolitana de São Paulo-RMSP, com várias nascentes e corpos d’água totalmente preservados, muitos exemplares da fauna silvestre e a presença de espécies ameaçadas de extinção. Cumpre um importante papel no equilíbrio climático e na qualidade do ar do seu entorno, totalmente urbanizado. A área do Parque evidencia suas qualidades e riquezas naturais que o coloca como referência na área dos conhecimentos científicos voltados para a botânica e a zoologia. (Bicudo et al., 2002).  De acordo com o Sistema Nacional de Unidades de Conservação – SNUC é uma Unidade de Proteção Integral que tem como objetivo básico a preservação de ecossistemas naturais de grande relevância ecológica e beleza cênica, permitindo a realização de pesquisas científicas e o desenvolvimento de atividades de educação e interpretação ambiental, de recreação em contato com a natureza e de turismo ecológico. (Lei SNUC de 18 de Julho de 2000, Capítulo III, Art. 11). No PEFI estão inseridos vários órgãos do Estado com funções distintas e administração própria, que desenvolvem atividades voltadas para a pesquisa, saúde, lazer, educação, esporte, recreação, turismo e desenvolvimento econômico.

Decreto de criação : Decreto nº 52.281 de 12 de agosto de 1969